24 de dezembro de 2011

Magia espontânea das noites natalinas



Fui um desses meninos que quase morrem de frio, mas que mesmo congelando, ficam ali do lado de fora esperando que todos os ricos daquela rua com vielas estreitas, neve e árvores sem folhas por toda parte, jogue tudo o que restou da ceia de natal na lata do lixo. Um verdadeiro deslumbre para mim mesmo sabendo que só mais tarde quando os poucos raios de sol começassem a aparecer... Quando os caminhos entre a neve começassem a serem abertos pelos jornaleiros mirins que deslizavam sem medo derrapando no gelo, guiando a motocicleta com a mão direita e jogando os jornais nos tapetes cinzentos, com a mão esquerda. Só assim, enfim eu conseguia matar a fome de dias atrás.

Eu gostava do natal porque eu poderia me sentar do lado de um pisca-pisca colorido em qualquer árvore do parque e por alguns minutos me sentir aquecido pelo calor agradável com que essas luzes proporcionavam a mim. Eu gostava, pois todas as avenidas ficavam cheias e porque sempre conseguia um trocado aqui outro ali, mesmo sem saber no que gastar. Meus ouvidos eram suavemente lavados pelas melodias que corriam as esquinas tortas o que fazia do meu dia, mais uma superação.

A minha superação de cada dia.

Mesmo não ganhando aqueles lindos brinquedos que vi algumas vezes nas vitrines das lojas mais caras da minha cidade, mesmo passando o Natal sozinho e me escondendo sem ter motivos, eu rodava e pulava por saber que a melhor data do ano, estava se aproximando.

Na noite tão esperada, sempre observei discretamente pelas frestas da janela a noite natalina da família Brandon, aquela árvore gigante com vários presentes aos pés, a mesa farta de doces, frutas, carnes de todo tipo e muita fartura, para pouca empolgação. Todos sentados, uns olhando fixamente para a televisão, outros preocupados e ansiosos com tão pouco e a imperdoável falha de que todos os sorrisos que por milagre eram arrancados dali me pareciam forçados.

Perdia-me nos presentes e não vou enganar a ninguém que quis me tornar um daqueles garotos.  Com trajes arrumados, cabelo bem cortado e sapatos brilhantes. Ter uma família e ter sonhos para alcançar. E sabe, acho que nem queria tudo aquilo, deixaria de fora as cobranças e acho que talvez as uvas que cercavam a cesta da mesa principal... Eu nunca gostei de uvas.

Eu não deixaria de enfeitar minha casa com as luzes, não dispensaria as melodias natalinas e colocaria minha única foto num porta retrato perto da mesa de centro. Mas eu faria de tudo para não olhar um presente pelo tamanho como vi fazerem os filhos do Sr. E Sra Brandon, porque pelas poucas vezes que pude me sentar no banco da igreja numa noite de natal, mesmo sujo, mal vestido, e sem nada a oferecer, pude descobrir que a verdadeira essência desse dia maravilhoso não está no tamanho da caixa do seu presente e que o mais importante é quem lhe deu a chance de recebê-lo naquele momento...

Ele, o Menino Jesus!  

____________________________________________________________________________
Queridos leitores,
Obrigada por ficarem comigo durante esses meses aqui no Delicado Eu, lendo todos os meus sentimentos aguçados a flor da pele e me motivando para escrever cada vez mais. Desejo todo o amor do mundo à vocês, muita felicidade, muita magia e muitos encantos durante esse percurso que vamos fazer juntos, ok? Esse é só um ano juntos, de muitos outros que virão, eu prometo. Mesmo me comunicando pouco com vocês, cada um tem um lugarzinho especial na minha coleção de tesouros. Merry Christmas, meus pequenos e que a magia do Natal continue todos os dias ao lado de vocês! <3
____________________________________________________________________________

18 comentários:

  1. AMO O Nata! rs Lindo texto Lyvinha, imagino que nessa é poca muitos meninos ruas de rua sofram né ): Impossível ajudar todos, mas tentamos fazer o possível! Feliz Natal!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fazendo o possível a gente chega no impossível, minha linda. Que seu natal tenha sido maravilhoso!

      Excluir
  2. Um lindo texto. E estou encantada com seu cantinho, é de sentir-me em casa. Parabéns, é tudo muito acolhedor, e lindo...
    Estou te seguindo, e tenha certeza que voltarei aqui. Beijos,
    http://garotasvivem.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Volte mesmo, teu perfume já tá gravado, pequena.

      Excluir
  3. Que texto liindo. Gostei de você ter escrito como se fosse um menino de rua que , mesmo não tendo nada, sabe reconhecer, melhor que muitos de nós o verdadeiro significado do natal.

    Muito obrigada por visitar o meu cantinho, e adorei o seu!
    beijos ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, volte mais vezes!

      Excluir
  4. Que linda você, escreve divinamente!!
    Adorei seu comentário no meu blog e estou seguindo de volta, beijinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pequena, teu blog é um encanto também!

      Excluir
  5. Estou contando, que seus contos me encantam. E não adianta eu fazer jogo de palavras, me envolveu e estou aqui, seguindo de volta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha te envolvido, acho que isso é um bom sinal, né?

      Excluir
  6. Teu cantinho é encantador, moça. Sinceramente, teus contos são um encanto.
    Criatividade sempre. :*

    Da uma passada no meu novo Blog assim que puder?
    Agradeço de já: http://minimalismmo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Teu blog é lindo, e já estou te seguindo!

      Excluir
  7. É desse tipo de conto que eu gosto. Contos que transpassam a realidade até nossa alma e entre o texto caímos fantasiosamente.


    Flores e uma ventania
    de bons pensamentos, moça.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Vanessa, uma ventania de bons pensamentos para ti também.

      Excluir
  8. Que belo texto, seu blog é lindíssimo.!! *-*

    Beeijos
    Giovanna Lacerda
    Blog Deluxe
    http://deluxemoda.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada querida, volte sempre.

      Excluir
  9. Oi, tudo bem?
    Primeira vez que entro no seu blog e já me apaixonei completamente! Os assuntos que você aborda aqui são muito interessantes e você tem o dom de diferenciá-los!
    Ah, já estou te seguindo viu?!
    Se ainda não conhece meu blog, ele se chama 'Gotas de Uma Paixão', está convidada para conhecê-lo e se gostar, segui-lo!
    Beijos e parabéns pelo seu blog! Um feliz Ano Novo, e muito sucesso para todas nós em 2012!

    Carol Chicorsqui
    http://gotasdeumapaixao.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sucesso minha querida, e uma tempestade de sorridos em 2012!

      Excluir

Conta pra mim o que achou, vou adorar responder.